Noivas de Portugal

Saiba como incluir os seus animais de estimação no grande dia!

  Tempo de leitura: 2 minutos

PARTILHE ESTE CONTEÚDO

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
CONSTANCE-Web-Banner-Noivas-de-Portugal-700x920px-2

NEWSLETTER

Todas as novidades da Noivas de Portugal no seu e-mail.

Fotografia | Só Animarte

Gostaria de ter os seus amigos de quatro patas presentes no dia do seu casamento?  Fique a conhecer os serviços de wedding dogsitting e torne esse desejo possível!

Os animais de estimação fazem parte do nosso quotidiano e quem os tem sabe o valor que acrescentam e a importância que ganham assim que entram nas nossas vidas! Então, porque não incluí-los num dos dias mais felizes para os donos e torná-lo ainda mais especial?  

Atualmente, essa opção já é possível e a presença dos patudos não tem de ser uma preocupação acrescida para os noivos, afinal já existem vários serviços que assumem os cuidados e o acompanhamento do animal durante o dia. Para além de marcarem presença, os noivos podem ainda atribuir um papel de destaque a estes convidados distintos.

Fotografia | Só Animarte

A Só Animarte nasceu em 2009 e, desde então, assumiu a missão de fazer sonhar, proporcionando momentos mágicos e inesquecíveis. Esta empresa é um dos principais exemplos da materialização do conceito de wedding dogsitting. É isso mesmo! Os seus animais terão um dogsitter, ou seja, alguém que  os irá acompanhar durante todo o casamento e fazer com que se sintam em casa, ainda que num ambiente que não é habitual, fazendo com que não percam nenhum momento especial.

O serviço é disponibilizado durante um período de até 10h e pode ter início em casa, na igreja ou no local onde se realizará o copo d’água. A empresa prepara, nesse mesmo local, um espaço para que o cão se sinta descontraído e confortável. Para além disso, os noivos podem ainda usufruir de um registo fotográfico do casamento pela visão do canito, através de uma Go Pro, um serviço do qual a Só Animarte é piorneira em Portugal.

Aquando da marcação do serviço, é agendada uma primeira reunião para que os acompanhantes possam recolher o máximo de informação possível sobre o cão e para que se possam conhecer. No dia do casamento, os noivos só têm de aproveitar ao máximo e usufruir da festa com a participação especial dos seus melhores amigos !

Fotografias | Só Animarte

Por serem altamente sensitivos, existem alguns cuidados a ter com o animal para que tudo corra pelo melhor e sem quaisquer problemas. Assim, os profissionais aconselham que sejam previamente tidas em conta questões como:

  • O dogsitter deve ter contacto com o animal antes da data do evento, para que o possa conhecer e para que no dia o contacto seja menos stressante;

 

  • Confirmar junto dos responsáveis pelos locais do casamento se é possível a presença do canito;

 

  • Os donos devem providenciar brinquedos ou elementos com os quais o animal tenha ligação, para que este se sinta num ambiente familiar. A comida devem também ser providenciada pelos donos, pelo menos motivo;

 

  • Os responsáveis devem ter total confiança no patudo, garantindo que em caso algum se tornará agressivo, preservando assim os convidados, a festa e o acompanhante;

 

  • É também importante que o cão seja levado até aos locais onde decorrerá o casamento antecipadamente, de forma a conseguir ambientar-se e não estranhar no dia, o que poderá colocar o animal sob stress;

 

  • O patudo não deverá ser passeado pelos convidados, exceto com a devida autorização dos noivos.
Fotografia | Só Animarte

O que achou deste artigo? Aceda ao nosso site para mais conteúdos!

NEWSLETTER

Todas as novidades da Noivas de Portugal no seu e-mail.

REGISTAR

Publicidade

Entre em contacto connosco

Obrigado pelo seu interesse.

Entraremos em contacto consigo brevemente.